Pensando coletivamente, beltronenses devem comprar apenas o necessário

Por Conexão Beltrão 19/03/2020 - 11:13 hs

Pensando coletivamente, beltronenses devem comprar apenas o necessário


Editorial: Tem se percebido um forte fluxo de pessoas nos supermercados e farmácias de Francisco Beltrão nos últimos dias. Nos supermercados elas têm buscado principalmente por suprimentos de primeira necessidade, como arroz, feijão, açúcar, além de itens de higiene pessoal, como papel higiênico. Nas farmácias, a busca principal tem sido por álcool em gel e máscaras. O problema está no exagero, uma parte das pessoas está com medo de que faltem produtos, outra está com medo de ir aos supermercados nos próximos dias.


De forma individualista e num pânico desnecessário,  alguns estão comprando muito além do que demanda o bom senso, colocando em risco os mais vulneráveis, que não tem dinheiro para fazer o mesmo. Numa eventual escassez que, ainda está longe de acontecer, pelo menos no Paraná, esses grupos podem passar por dificuldades futuras. 


Ontem por exemplo (18), após decreto de emergência em Santa Catarina, o Procon cogitou a possibilidade de limitar as vendas para que não faltem itens de primeira necessidade à população, isto, devido às grandes filas que se formaram em razão do pânico desnecessário.


O governador do estado do Paraná buscou tranquilizar a população quanto ao estoque de mantimentos na unidade da Federação. De acordo com a Agência Estadual de Notícias "durante o pronunciamento, o governador voltou a pedir solidariedade e compreensão por parte da população paranaense. Reforçou que não é necessário uma corrida desenfreada aos supermercados por que o Paraná está bem servido em relação ao estoque de alimentos, com as indústrias instaladas no Estado mantendo o nível normal de produção.


'É um momento de solidariedade e ajuda mútua, sem pânico. E de entender que o foco precisa estar na terceira idade, os mais suscetíveis ao coronavírus', comentou. 'Lavar as mãos, se possível usar álcool gel e evitar aglomerações. São essas atitudes essenciais para combater a doença', acrescentou ele."


Em relação à saúde nos estabelecimentos, alguns supermercados beltronenses estão disponibilizando álcool em gel para os clientes, além de estarem reforçando o sistema de ventilação, se o medo é de ir nos próximos dias pela possibilidade de contrair o novo coronavírus, também não se justifica. Basta não ter contato das mãos com os olhos, boca e nariz e ter um cuidado básico com a higienização na volta para casa. Vale lembrar que nem há casos confirmados na região.


É fundamental pensar coletivamente nesse instante, colocando em prática nossa racionalidade e empatia. A crise só pode ser  vencida conjuntamente.